Monodiálogos no MSN – parte I

Uma colega minha de MSN, em 09/02/09, diz:

Oiê! Tudo bem? De boa…

Nem entrei na aula. Não tinha luz na facul. Ótima recepção para os calouros, não? Enfim… Foram dar trote. E eu fui resolver umas burocracias de transporte. Ah, pára… Dar trote uma vez já dá, né… Coisinha chata… É, nunca foi o sonho da minha vida também, até porque não foi sacrifício nenhum entrar na minha faculdade. Mas… A gente faz pra dar uma enturmada básica. Ai, a minha faculdade não é tanto assim. Mas não é difícil passar… Até porque entrei no meio do ano e nem é concorrido. Coisas fantásticas? Ah… Mas hoje fiquei com dó dos bichinhos. Tipo, até tinta látex… Né. O meu foi sussa. O difícil foi tirar cola glitter do cabelo, mas só. Hoje rolou ovo, farinha, fubá, espuminha… E eu só olhando. Ai, eu fico com dó. Eu sei a vergonha que a gente passa no ônibus pra voltar.

O que foi? Ô, prejuízo… Já passei por isso. Nossa. É macumba! É tão triste perder as coisas na vida… Estranho seria perder na morte, ou não…

Sim, por quê? Ah!!! Mas até agora tá sussa, nenhuma crise grave… Quem não ficou satisfeito comigo hoje foi um amigo meu. Ah, nada… Ele me ligou e eu tava trampando aqui e não estava muito dando atenção. Ficou bolado comigo. E também sábado ele tava muito chatinho, então deixei ele na balada e fui embora. É que eu tava aproveitando ele terminar de falar pra perguntar uma coisa do vídeo que tô fazendo pra ele. Vai, sem problemas. Que coisa feia! Aí, já era um horário razoável, vai. É. Verdade, verdade. Não muito do new Caetano… Sim, sim… Foi só um comentário adicional. Pra ser sexy não dá pra usar a palavra adicionar. É muito Ana Maria Braga transando. “Acorda, menina! Agora vou adicionar meia língua!”. Deve ser muito engraçado transar com personalidades bizarras. Ah, essas não valem. Apesar que a Drew ou transa lutando, ou vendo ETs. Ela muito transa com aquele dedo do ET. Pára de ser ativa. Quem sabe. Você aceita? Só acha? Eu sou, né… Um exemplo. Mas achar não é de todo mal… Pode ser um processo. A maioria das coisas da vida não se dão por um processo? Então… O achismo também, ele pode se tornar uma certeza, ou não sair do lugar… Depende do clima, do tempo relógio… Yeah baby, yeah. Normalmente falo. Depende da situação. Não falo palavrões… Deus não gosta! Aquelas evangélicas. Nossa, uma vez me perguntaram se eu era evangélica. Só porque compus uma música gospel. Mas era muito de brincadeira e a pessoa levou super a sério. Não, meu, presta atenção… Olha o nível: “Jesus é amor / Jesus é ímpar e par / Eu amo Jesus até na mesa do jantar (progressão) / Jesus na praia (Jesus na praia) / É muito massa (é muito massa) / Jesus na escola (na escola) / Tomando Coca-cola (Coca-cola) / Sem ter Jesus, eu não tenho luz / Levantem as mãos / E amém irmãos!”. É… Obrigada. Acho que vou seguir carreira. Hum… Talento… O chocolate. Sabe? Isso quer dizer… O meu Talento… Ou transar com chocolate? Não. Infelizmente. Era daqueles que dizia “Que talento, hein”? Aaaaaaaahhhhhhhhh. É, esses publicitários… Músicas existentes? É gostoso tocar… Seja o que for… Sem ser música minimalista. Não, música minimalista mesmo. Erudita. Ah, então… Aí tem todas aquelas divisões historico-musicais, né. Aliás, fiz um trabalho chatérrimo sobre música renascentista. Então, o classicismo é bem legal. O romantismo. Agora renascentista. Ah, medieval e renascentista é muito aqueles vocais estranhos pra igreja. Todo mundo acha meio medieval aqueles acordes do Shaman, né. Super não é. Sim, uma das características é o canto gregoriano. Nossa, vou muito te mandar o meu trabalho. É um vídeo. Ficou muito mal feito. Ah, tem, sempre tem… Ouça Hildegard. É pior. Também… É chato.

Beleza! Ah, eu jantei agora pouco e já tô afim de alguma coisa também. Não, hoje já tomei. E aí, e eu? O que eu como? Se eu já imaginar a resposta… Ah, mas nem posso comer agora. Vou ficar com a primeira. É. Senão vou me sentir grávida. Com desejos. Você não dá? Já falei meu… Pára de ser passiva. Ops, ativa. Essas coisas só funcionam na prática. É, pois é.

Viiixe. Sim, lembro. Já… É, vou ter que cantar de novo pra ti. É. Vergonha não. Mas não gosto muito como isso é escrito. Tem uns bons, mas a maioria, pra mim… É, então… Sensualidade é sensualidade… Outras coisas são outras coisas. Pô… “Brow”?! É… Quem saberá a verdade? E o que são? Tenho… E realmente eles têm sua hora. Está! Ponto pra você. Vai juntando e troque por um prêmio.

Quer sem parar? O chocolate. É. Tinha o sorvete, lembra? Ai, é só pensar com o coração. Ô, quer opinar numa coisa? Não é nada interessante, tá. É pra dizer se o tênis é bacana. O verde! É… Feio? Bonito? Simpático? Não? É… É, tô namorando ele. É gostoso de usar? Uauu. O meu é 36 pra ficar larguinho. Ah, então vou comprar certo! Pô, acredita que não acho ele em loja? Já fui em várias… É eu sempre demoro séculos pra comprar algo, e tem que ser aquele que brilha. Também. Depende de quem vê. Empresto. Não precisa. Eu imagino mais pra mim. Porque não dá pra te emprestar e ficar sem. A imaginação soa bem melhor quando bem compartilhada. Isso. Aí você me diz! O que é? Hum. Hum… Ah!!! Desastrosos, não… É.

Ó, olha a hora! Vou dormir. É, já já eu acordo. Vou! Boa noiteee!!! Beijoooo… Obrigada!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: