Vocabulário: Internetês

Iaeeww galëre frõ rél 666!!!

Putz. É cada jargão que a gente encontra na internet. Tudo bem que internetês é a nova tendência mundial. Daqui a pouco ninguém mais vai usar acento nas palavras, letras maiúsculas deixarão de existir e abreviações substituirão palavras novas, mas… Nossa, já reparou nalgumas coisas?

Sei que eu tenho muita leitura, e uso poucas gírias, verdade. Outro dia penei, mas descobri o que eram aqueles “códigos estranhos” numa imagem. OMG (Oh, my god), OMFG (Oh, my fucking god), WTF (What’s fuck?). “Brinks” é uma abreviação de “brincadeira”. LOL tem toda uma explicação etimológica (eu fui pesquisar, claro): é o acrônimo da expressão “laughing out loud” – que significa algo como “rindo muito alto”.

"Blasfêmia"

Tem os bonequinhos de barra. Tipo \o/ e suas variáveis: o/, \o, o//, \\o, |o|, e por aí vai. O pessoal desenha até periquita com barrinhas, né, vá saber. Desenham tudo. Ainda tem os emoticons. Esses emoticons ms-ênicos já são uma evolução das famosas carinhas : ) dos antigos IRCs, bate-papos e ICQs.

Tem até palavrão modificado na internet. Bagarai. Barai. Fdm. Fdp. Phoda – com PH. Vai tomatecru. Te @. Aff. E aquelas risadas que ninguém ri? A estilo Rio Grande do Sul é clássica, para as pessoas mais sérias – rsrsrsrsrsrsrs. A culta – risos. A espontânea – hahahahaha. A cretininha – heheheheheheh. A de criancinha com culpinha – hihihihi. A maldosa – hohohohohoh. A outra maldosa – huhuhuhuhuhu. A impronunciável – kkkkkkkkkkkk. A enigmática – skaposkaposkap (alguém entende essa?…)…

Aí o interessante é que depois que a gente ultrapassa o preconceito lingüístico percebe que essas coisas não servem apenas para assassinar o português, viram modinhas. Gírias, que identificam determinados grupos sociais e tranformam o uso da língua. Algumas expressões tornam-se bastante usuais.

Tem aquelas que o pessoal usa no Orkut. Tipo EURI (Eu ri.), ou raxei (rachei de rir – o que será que eles racham?…). “Rindo alto”… “Fikadika”, que eu acho que saiu do Orkut e entrou nos blogs. Uma que está super popular agora é o “Adoooro!”. Agora tudo que é para indicar intensidade é “Total”. Tudo com um quê de interrogação é “Mistério”. Tudo com cara de tendência, “Fato”. Outra que o pessoal usa muito é “Medo” – sempre que acha algo esquisito. Tem as que estão comuns nos blogs lésbicos. Whatever. Enjoy. DR (discussão da relação), e uma que está se popularizando: “Comoassim”. Acho que por conta daquele poema de um dos blogs lésbicos (será???).

COMO ASSIM

COMO ASSIM ASSIM

COMOCOMOCOMOASSIM

ASSIM COMO COMO COMO

COMOCOMOCOMOCOMO

COMO ASSIM

Há vocabulários já classificados e bem definidos. O vocabulário tiopês. Aquele com comofas/ (com barra, que nem de apertar shift a criatura tem coragem), e as palavras com lertas inrevtidas ou comias. Aquele maneirinho com ain, neah, ow… Isso porque há abreviações que são universais, o do pessoal preguiçoso – blz, pq, q, cm, cd, e por aí vai.. “E” é o mesmo que “é” ou “eh”. O miguxês já está mais do que passado. “MiIgUxXiNhoOH…” – né?

Um dia um colega entrou e veio me perguntar: “b-lê?”… Eu: “Quê?” Era “beleza”. Dava para adivinhar? É cada uma. Um outro que eu conheci tinha um dialeto individual, o Edgar. Não cheguei a conversar com ele na internet. Falavam as más línguas que existia o dialeto “edgariano”. Ninguém entendia os scraps dele.

Eu já me preocupo com essa coisa da comunicação. Passe um dia sem entrar na internet para ver como já tem algo novo e você vai ficar boiando. Vira noob – alguém que não sabe nada de internet nem de computador, e agora está descobrindo. Como aquela pessoa simpática que fica te enviando gifs animadas irritantes pelo Orkut.

Isabela diz (01:37):
*Sobre a linguagem a as pessoas usam na internet.
Isabela diz (01:38):
*Depois eu posto.
miminho diz (01:42):
*humm
*bele
Isabela diz (01:42):
*Vlad.
miminho diz (01:44):
*kkkk
*é bele  de beleza
*kkkkkkkkk
Isabela diz (01:44):
*É Vlad de Vladimir mesmo.
Isabela diz (01:45):
*É sério?
*Tipo “belê”?
*Ha, ha…
miminho diz (01:45):
*é,,,,
*exato

Mais tarde, no mesmo dia, no MSN:

(…)

Isabela diz: Sobre a linguagem a as pessoas usam na internet. Depois eu posto.

Meu irmão diz: humm. bele [Meu nome, Isabela.]

Isabela diz: Vlad. [O nome dele, Wladimir.]

Meu irmão diz: kkkk é bele de beleza kkkkkkkkk

Isabela diz: É Vlad de Vladimir mesmo.

Isabela diz: É sério? Tipo “belê”? Ha, ha…

Meu irmão diz: é,,,, exato

(…)

4 Respostas to “Vocabulário: Internetês”

  1. Walter Says:

    eu me entrego, uso muitas expressões citadas no texto, não uso maiúsculas, mas não largo minhas vírgulas e acentos. adorei os desenhos das periquitas e os tipos de risadas.😀

  2. Quel Says:

    senti que essa parte da risada KKKKKKKKKKKK foi um indireta para mim… e dos bonequinhos que fazem \o/ também…

    mas… acho que não escrevo assim tão mal né?!?!
    o que me mata mesmo são as malditas reticências, mas vou tentar melhorar, tá?

    confesso que têm algumas coisas… que nossa… são de doer!!! kkkkkkkk

    se cuida Bela…
    beijão…

  3. Isabela Says:

    Alguns eu uso, confesso. ^^

    As vezes eu fico panguando, tenho que pedir pra traduzir! oO

    Muito bom o post! =)

    Bjão!

  4. Mallika de Lakme Says:

    Internetês?
    Adooooooro
    Huahuahuahuahuahua!
    —-
    Só um detalhe: esse papo de “como assim” acho que está mais pra BBB, do que pra poema. Teve uma sister que dizia “como assim, bial?” e a coisa pegou…
    —-
    Ótimo post!
    Esse blog tá imperdível.

    xêro!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: